sábado, 21 de janeiro de 2017

Papai Jean Henrique Pimentel aniversariou em 19/01

DSC00214

Jean Henrique com sua amada Jacimara e se filhote Henriquinho

A Praia do Preá na quarta 18/01 no finalzinho da tarde

DSC00239

Lucimar, Jacimara com o Henrique e a mana Bebé

DSC00237

Eu e meu neto Henrique

DSC00233

DSC00238

DSC00231

DSC00230

Nas três últimas fotos mostram o tempo se preparando as chuvas que começaram com muita força na quinta pela manhã.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

GABRIEL RL / PALESTRA - "CUMPRIR HORÁRIOS TAMBÉM TE LEVA ÀS ESFERAS SUPERIORES"


Há algumas ações que as pessoas praticam tão repetidamente em suas vidas desde a infância, que acabam se transformando em hábitos. É o caso da procrastinação ou da negligência diante dos compromissos. Procrastinar é atrasar, é adiar, é deixar para depois. Negligenciar é não dar a devida importância a algo; é desmerecer. Esses dois comportamentos, ambos não justificáveis, assemelham-se ao que o Preto Velho já nos disse em canalização: é como se a pessoa se deitasse no meio da estrada atrapalhando a passagem dos automóveis e impedindo o fluxo do trânsito naquela via. Essas duas atitudes, tanto a negligência quanto a procrastinação, ocasionam a estagnação das energias que movimentam o fluxo do cotidiano da pessoa causadora e dos que estão à sua volta. Como toda energia, elas reverberam. Falando primeiro da energia da negligência, podemos dizer que esta é indefensável, pois a pessoa tem plena consciência do que está fazendo. Trata-se de descuido, falta de responsabilidade e por que não dizer que é, também, falta de atitude amorosa. Em função disso, a pessoa age desarmonicamente com sua natureza divina, pois, muitas vezes, depende dela a movimentação de certos acontecimentos. Por exemplo, numa fila de atendimento com hora marcada, a pessoa teria seu horário, mas se atrasa ou, simplesmente não comparece. Nesse caso, ocasionou enorme desrespeito, pois transgrediu a agenda de quem daria o atendimento, assim como as agendas dos demais que estariam aguardando na fila. Atitudes como essa desencadeiam o conhecido como “efeito dominó”: uma pedra cai e vai derrubando todas as outras do conjunto. No caso da procrastinação, a pessoa tem consciência dos seus atrasos e até percebe o prejuízo que está ocasionando ao coletivo. A questão é que ela não está vivendo no seu Agora. Em desequilíbrio, se assemelha ao Coelho Branco da história da Alice no País das Maravilhas. Esse coelho é aquele personagem que, esbaforido e com um relógio de bolso na mão, vai correndo e gritando: “É tarde! É tarde! É tarde até que arde! Ai, ai, meu Deus! Alô, adeus! É tarde, é tarde, é tarde!” (https://www.youtube.com/watch?v=LE5by3HfePI). A Psicologia até deu nome a esse comportamento, que é “A Síndrome do Coelho de Alice”. (http://vivalavitamensagens.blogspot.com.br/2012/07/sindrome-do-coelho-de-alice.html). É possível que esse comportamento seja o resultado da forma como a atual sociedade tecnológica está organizada, onde tudo gira instantaneamente quase tão rápido como o próprio pensamento. Todavia, nenhum dos dois comportamentos são desejáveis e, a partir de agora, não mais aceitáveis. Trata-se da manifestação de um grande desequilíbrio interno que carece de superação. Vamos, então, dar um “basta” a esse comportamento típico da velha energia. Ouçamos nessa palestra do Gabriel Raio Lunar a interessante e procedente abordagem a esse respeito.
PALESTRA COMPLETA: https://youtu.be/ZswOeY-QnQk Download em MP3 Aqui
Apresentação: Solange Yabushita
Produção de vídeo: Kaliel Conrado / http://www.radioportaldaascensao.com/ Para mais palestras minhas, canalizações, meditações e artigos clique aqui
Em Amor e Luz, Gabriel RL

1 Mês antes de um Ataque Cardíaco, o Corpo vai Avisar com estes 6 Sinais. É importante que você os conheça!

Na sociedade atual, em que o número de obesos aumenta, bem como o consumo de produtos industrializados, ricos em gorduras, açucares e sal, não é incomum que muitos sofram com problemas cardíacos. Ataques cardíacos são um risco real e presente e todo cuidado é necessário para evitá-los. Segundo o Ministério da Saúde, o infarto do miocárdio é uma das principais causas de morte no Brasil, ocorrendo cerca de 400 mil casos de ataques cardíacos com aproximadamente 70 mil mortes por ano. De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), existem 5 condições que aumentam o risco de ataque cardíaco, que são: diabetes, sobrepeso e obesidade, má alimentação, sedentarismo e uso excessivo de álcool.
Aproximadamente metade de todos os ataques cardíacos acontecem fora de um hospital, e detectá-los de forma precoce é a chave para a sobrevivência.

E, como quem avisa, amigo é, resolvemos dar algumas dicas fáceis de como saber se você ou alguém próximo está na iminência ou correndo risco de ter um ataque cardíaco. Veja quais são esses 6 sinais de ataque cardíaco no vídeo abaixo:
1. Fadiga

Em outras palavras, aquele cansaço sem causa aparente. Isso acontece por causa do estreitamento das artérias, fazendo com que o coração receba menos sangue do que está acostumado e forçando-o a trabalhar mais que o normal. Por conta disso, a pessoa sente-se cansada e sonolenta o tempo todo.
2. Falta de ar

Quando o coração bombeia menos sangue, o pulmão tem mais dificuldade de transportar o oxigênio e, consequentemente, há menos oxigênio para si próprio. Ambos os órgãos funcionam em conjunto, logo, se um não funciona bem, o outro também falhará em suas tarefas. Sentir falta de ar sem motivo aparente não é nada bom e deve-se recorrer o mais rápido possível ao médico.
3. Fraqueza

Quando se sente fraqueza repentina, é porque as artérias não estão permitindo a circulação sanguínea adequada pelo corpo. Os músculos, sem a quantidade necessária de nutrientes e oxigênio transportados pelo sangue, ficam mais fracos, podendo provocar, inclusive, quedas.
4. Tontura e suor frio

A má circulação do sangue pelo corpo afeta também o cérebro, provocando a sensação de tontura e é comum se sentir desengonçado e desastrado, como uma má coordenação repentina dos movimentos. NUNCA ignore este sintoma, pois sua vida pode estar em risco.
5. Pressão no peito

Quando se está tendo os sintomas de um princípio de ataque cardíaco, é normal que se sinta (ou que venha se sentindo) dor ou uma pressão do lado esquerdo do peito. A má notícia é que esses sintomas só aumentam até o momento em que o ataque em si ocorra.
6. Ter sintomas de resfriado ou gripe

Esse é um sintoma estranho, mas que pode ocorrer em algumas pessoas. Quando se tem os mesmos sintomas de um resfriado, do nada, pode significar que um ataque cardíaco é iminente. Sabe-se que há pessoas que já se queixaram de ter tido sintomas de resfriado antes dos seus ataques ocorrerem.
Se você ou alguém próximo possui alguns desses sintomas, procure a ajuda médica o mais rápido possível, pois, em muitos casos, é possível que se saia do quadro com nenhuma ou poucas consequências importantes.

Compartilhe essa informação! Você pode salvar muitas vidas! Fonte: Tudo Interessante http://www.saudecuriosa.com.br/1-mes-antes-de-um-ataque-cardiaco-o-corpo-vai-avisar-com-estes-6-sinais-e-importante-que-voce

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

ISTO É O QUE A COR E A FORMA DO SEU COCÔ ESTÃO QUERENDO DIZER SOBRE SUA SAÚDE!

Quando o assunto é saúde, não devemos ignorar nenhum sinal do corpo, ainda que tenhamos que observar o que achamos tão desagradável, como o cocô. Isso mesmo! O aspecto do cocô é uma das formas que o corpo encontra para transmitir mensagens a respeito da nossa saúde. Portanto, a partir de hoje, é bom observar o cheiro, a textura, o formato e a cor das fezes, aliás, de qualquer secreção. Fazendo isso, podemos descobrir a tempo se nosso intestino está funcionando bem e se nosso organismo absorve os nutrientes como deveria. Quer saber se está tudo bem com a aparência do seu cocô? Veja se ele tem formato cilíndrico, comprido e com o aspecto macio - se for assim, isso significa que ele foi eliminado sem nenhuma dificuldade. Pessoas que bebem pouca água e consomem poucos vegetais (leia-se "fibras"), costumam ter as fezes ressecadas com bolinhas endurecidas. Se ainda pensa que observar as fezes não é tão necessário assim, é bom saber que a mudança na espessura pode significar um câncer de intestino. Isso acontece porque o tumor dificulta a passagem do cocô, o que faz com que as fezes saiam mais finas.
O exame ideal para ter certeza se está com algum problema de saúde é a colonoscopia. Quer saber se está com algum desses problemas? Veja o que a aparência do cocô pode significar: 1. Cocô em bolinhas: indica falta de fibras e líquidos. 2. Cocô comprido, cilíndrico e com rachaduras: é sinal de que as fezes permaneceram muito tempo no cólon. Além disso, é necessário consumir mais água e frutas. 3. Cocô comprido e com algumas rachaduras na superfície: considerado normal, mas pode indicar princípio de desregulamento no processo intestinal. Beba mais água.

aspecto_do_coco_-_edit.jpg


4. Cocô comprido, macio e em formato cilíndrico: tipo de fezes ideal. Indica bom transito intestinal. 5. Cocô em pedaços macios e divididos: aponta carência nutricional e desidratação. Coma mais legumes cozidos, grãos, aveias e frutas. 6. Cocô com pedaços macios, bordas irregulares, fezes moles: indica estresse e também pode indicar pressão arterial elevada. Relaxe, busque atividades como ioga, tai chi chuan e caminhadas. 7. Cocô totalmente líquido: indica diarreia. Beba bastante líquido, evite alimentos gordurosos e fique em repouso. Cores: - Verde: se for o seu caso, saiba que a causa mais comum é a diarreia. O consumo recente de antibióticos, ingestão de alimentos e bebidas verdes ou ingestão de ferro também podem deixar as fezes esverdeadas. Também é muito comum em bebês que só se alimentam de leite materno. - Preta: sangramento no trato gastrointestinal alto – esôfago, estomago ou duodeno. Pode indicar também consumo de medicamentos ou suplementos de ferro. - Amarela: infecção intestinal, má digestão, doença celíaca ou em decorrência de alimentação rica em gordura. - Branca ou clara: podem indicam sinais de doenças como hepatite, cistos hepáticos ou cirrose. - Vermelha (com sangue): indica doenças com sangramentos ativo mais comumente do trato intestinal baixo, que podem incluir hemorroidas, divertículos, colite e tumores. - Marrom: esta é a cor saudável, ainda que existam pequenas variações de tons, como verde e amarelo. Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico. http://www.curapelanatureza.com.br/post/09/2016/isto-e-o-que-cor-e-forma-do-seu-coco-estao-querendo-dizer-sobre-sua-saude

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Fotos do final de 2016 e começo de 2017 no Preá

DSC00224

Meu neto no tum tum

DSC00225

DSC00229

DSC00227

As fotos acima foram feitas em ‎2‎ de ‎janeiro‎ de ‎2017



DSC00214

Pedro Albano, Jacimara, Jean pai e Jean filho. foto feita em  ‎26‎ de ‎dezembro‎ de ‎2016 na casa da mana Bebé.

DSC00208

Jacimara

DSC00204

Pedro Albano, Marcia com sua caçula Clarice, Lucimar e Mana Bebé.

Nas duas fotos acima: Eu,

DSC00200

Denílson, Eu, Dennis e Lucimar. Esta foi feita no Aniversário no dia 12/12/16

Curtindo meu neto Jean Henrique na Praia do Preá no 01/01/17

DSC00224DSC00225

Dennis Pereira e sua namorada Ívina no Preá



Tomando banho na chuva e no Mar no primeiro dia de 1917. Abençoado pela chuva e o Mar, com certeza serão muito felizes em mais um ano de suas vidas.
DSC00221

domingo, 8 de janeiro de 2017

ESTES 10 PROBLEMAS SÃO CAUSADOS PELO MICRO-ONDAS

Os seres humanos são os únicos animais no planeta que consomem alimentos fora do seu estado natural, submetendo-os ao calor e destruindo, muitas vezes, completamente o valor nutricional deles. O uso de micro-ondas é o maior exemplo disso. Ademais, a quantidade de alimentos embalados e processados ​​que os seres humanos compram e consomem anualmente é alarmante. É por isso que, hoje em dia, um número crescente de pessoas está tentando encontrar a resposta para uma dúvida: o aparelho de micro-ondas é conveniente pela comodidade e baixo risco ou ele é uma grave ameaça em termos biológicos e nutricionais? Vamos esclarecer essas dúvidas agora. Um estudo realizado em 2003, na Espanha, provou que os legumes e frutas cozidos em um forno de micro-ondas perdem uma percentagem de 97% das substâncias que contribuem para a redução da incidência de doenças coronárias. Estudo publicado por Raum & Zelt em 1992 afirma: "As micro-ondas produzidas artificialmente, incluindo as dos fornos, são produzidas a partir de corrente alternada e forçam um bilhão ou mais inversões de polaridade por segundo em cada molécula de alimentos que atingem. A produção de moléculas anormais é inevitável". " Dra. Lita Lee, em seu livro "Efeitos da radiação de micro-ondas na saúde", afirma que esse tipo de forno prejudica o alimento e sua radiação torna substâncias cozidas em perigoso produtos tóxicos e cancerígenos. Segundo a dra. Lee, mudanças são observadas nas análises bioquímicas do sangue e nas taxas de certas doenças entre os consumidores de alimentos preparados no micro-ondas. Estudo realizado em 1991 pelo suíço Hans Ulrich Doctor Hertel, feito juntamente com o dr. Bernard H. Blanc, do Instituto Federal Suíço de Tecnologia e pelo Instituto Universitário de Bioquímica, mostrou que cozinhar ou aquecer alimentos nesse aparelho apresenta riscos muito maiores para a saúde do que o tradicionalmente cozimento (fogão). Além disso, o estudo mostrou que as pessoas que comiam alimentos preparados no micro-ondas tiveram uma mudança no sangue, com perda de hemoglobina e linfócitos, o que pode causar deterioração no organismo. Entre o que essas pesquisas descobriram, podemos destacar: - Leite e cereais aquecidos no micro-ondas tiveram alguns de seus aminoácidos convertidos em carcinógenos (causadores de câncer). - Frutas descongeladas no aparelho tiveram seus glicosídeos e galactose convertidos em substâncias cancerígenas. - Nas carnes preparadas no micro-ondas, houve a formação de d-nitrosodienthanolaminas, um carcinógeno conhecido. - Mesmo com a exposição extremamente curta de vegetais crus, cozidos ou congelados, houve a conversão dos seus alcaloides em carcinógenos. - O calor do micro-ondas produziu nos vegetais vários tipos de danos em muitas de suas substâncias, tais como alcalóides, glicosídeos e galactosídeos. - Total perda da biodisponibilidade de vitamina C, E, vitaminas do complexo B e minerais essenciais em todos os alimentos testados. Investigadores russos também relataram uma acentuada degradação estrutural que conduz a uma diminuição de nutrientes de 60% a 90% em todos os alimentos testados. O resumo do que constataram todas essas pesquisas sobre o micro-ondas pode ser transformado em motivos para você não usar o aparelho:

forno_de_micro-ondas_-_novo.png


1. Maior taxa de distúrbios digestivos nos consumidores. 2. Aumento de casos de câncer de estômago e intestino. 3. Aumento na formação de células de câncer no sangue. 4. Distúrbios linfáticos que levam à diminuição da capacidade de impedir certos tipos de câncer. 5. Diminuição significativa no valor nutricional de todos os alimentos. 6. Aceleração da desintegração estrutural em todos os alimentos. 7. Perda de 60-90% do conteúdo de energia vital de todos os alimentos. 8. Redução do processo de integração metabólica de alcaloides, glicosídeos e galatosídeos e nitrilosides. 9. Destruição do valor nutritivo das carnes. 10. Diminuição da biodisponibilidade, que é a capacidade do organismo de utilizar o alimento, de vitaminas do complexo B, vitamina C, vitamina E, minerais essenciais e lipotrópicos em todos os alimentos. Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico. http://www.curapelanatureza.com.br/post/05/2016/estes-10-problemas-sao-causados-pelo-micro-ondas-e-voce-provavelmente-nao-sabe

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

ENTREGA DOS TÍTULOS DE TERRA DO PROGRAMA DE REGULRIZAÇÃO FUNDIARIA EM CRUZ


Cruz. O Prefeito Municipal de Cruz Adauto Mendes, O Secretário de Agricultura do Município Carlos César, o Superintendente do IDACE Engenheiro Agrônomo Eduardo Barbosa, o Supervisor Regional da EMATERCE do Baixo Acaraú Engenheiro Agrônomo Antonio Cesar e duas técnicas do IDACE estiveram reunidos, no Auditório Municipal com os proprietários para entrega dos Títulos de Terras do Programa de Regularização Fundiária do Estado do Ceará.

 clip_image002

Quatrocentos e setenta e cinco títulos foram entregues aos proprietários que passarão a ter suas terras documentadas em cartório de registro de imóveis, haja vista que a maioria das propriedades rurais não tinham documentos.
Cerca de 2.500 propriedades ainda apresentam algum tipo de pendencia por isto ainda não puderam ser entregues seus títulos, mas, para sanar estas pendências, em janeiro próximo, será criado um Comitê de Regularização Fundiária com representantes da EMATERCE, Prefeitura, Sindicatos e Federação das Associações.
clip_image004
Dr. Cesar – Sec. Carlão – proprietário – D. Barbosa
Para facilitar os registros dos imóveis, o Governo do Estado está articulando com os cartórios para encontrar uma alternativa de facilitar estes registros com redução de custos, pois, muitos proprietários de pequenas áreas não podem fazer os registros com preços elevados, fazendo com que o Programa de Regularização Fundiária não venha alcançar o seu objeto principal que seria o registro dos imóveis rurais.
Dr. Lima